New banner by Maddy Lee

quinta-feira, 9 de abril de 2009

O Terço - Criaturas da Noite 1975


Esta história aconteceu outro dia mesmo, em um certo bairro de uma certa cidade, onde dois garotos, vizinhos de rua, se encontravam diariamente para ouvir e falar de música, cada um trazendo sempre novas informações sobre bandas, álbuns e outros "altos papos". Eram conhecidos da vizinhança e tidos como "uns caras diferentes", com umas conversas estranhas para a pouca idade. Naqueles dias tudo era diferente, pois, na verdade, tudo era descoberta, era a aventura de descobrir a rua e todas as tretas e delícias das esquinas

Sentar na calçada de uma rua deserta para, escondidos, darem as primeiras tragadas em um cigarro Continental sem filtro e entre uma tossida e outra,sonhar em um dia assistir o primeiro show de rock. E então, para espantar o tédio, juntar os parcos trocados para comprar um litro de Drink Dreher e bebê-lo no bico, olhando estrêlas, cantarolando canções e no violão mostrar aquele riff bacana de uma música dos Stones.

Em uma destas noites iluminadas chegou a Boa Nova, uma banda chamada "O Terço" se apresentaria em um teatro da cidade e os jornais diziam que o som dos caras era bem legal , uma mistura de Rock Progressivo, Rock Rural e Clube da Esquina e que um dos membros da banda era da cidade. Naquela noite ficou decidido, iríam àquele show.

No sábado à noite, lá estavam, grana no bolso pra comprar os ingressos,uma longa fila onde se via as figuras mais malucas, cabeludos com bolsa de couro,gatinhas com batas indianas e aquela maresia batendo no parque onde se localizava o teatro. Dois PMs barrigudos se postavam à porta do teatro e deixavam claro que não estavam a fim de prender niguém,desde que não houvesse alteração por parte daqueles "desajustados".

Enfim, a bilheteria abriu e a fila começou a andar, compraram os ingressos e adentraram frenéticos, após algum tempo uma campanhia soou e as luzes se apagaram, dois caras que operavam uma mesa de som no corredor central do teatro começaram a projetar slides no fundo do palco que produziam uma mistura de cores, criando um efeito psicodélico que deixou os dois garotos pirados. Em seguida a banda entrou no palco sob apláusos, os músicos se posicionaram e então ouviu-se os primeiros acordes de "Hey Amigo", baixo e guitarra dialogando, demais...Era o lançamento do álbum "Criaturas da Noite", o ano era 1975 e aqueles garotos nunca mais foram os mesmos.
P.S. Eu nunca imaginei que esta brincadeira chamada FUXUCAMARIMBO um dia receberia 100.000 acessos. Esta postagem vai para aqueles que um dia descobriram na música uma forma de resistir, de se esclarecer e dar sentido ao caminho.
Line up:
O Terço - Criaturas da Noite 1975

Tracking List:
Hey Amigo (Cezar de Mercês) — 3:32
Queimada (Flávio Venturini / Cezar de Mercês) — 3:04
Pano de Fundo (Sérgio Magrão / Cezar de Mercês) — 3:44
Ponto Final (Luiz Moreno) — 4:38
Volte na Próxima Semana (Sérgio Hinds) — 2:59
Criaturas da Noite (Flávio Venturini / Luiz Carlos Sá) — 3:41
Jogo das Pedras (Flávio Venturini / Cezar de Mercês) — 3:25
1974 (Flávio Venturini) — 12:27

Link

(Este link é originário do blog A Música Que Vem De Minas)


6 comentários:

Celso Loos disse...

Tava falando agora mesmo para um amigo: Se fossem gringos seriam mundiais.

Mas eu vim aqui é para fazer um pedido:

Pelo amor de Deus, NÂO posta aquela versão cantada em INGRÊS
KKKKKKKKK

Um abração

Big clash disse...

Olá Celso,
estes caras fizeram um rock de primeira.
Não se preocupe,aqui só vai rolar "O Terço" em versão original....rsrsrsrs.
Abraços.

Ace Kilmister disse...

Caro Big Clash,
estou iniciando hoje um blog dedicado à música pesada, em que utilizarei não somente links levantados por mim como também os disponibilizados em outros blogs. Gostaria de contar com a sua colaboração e também que linkássemos nossos blogs.
O blog se chama The Ace Of Spades e o endereço é http://ace-kilmister.blogspot.com/
Aguardo sua resposta e sua visita.
Até lá!

A

Big clash disse...

Olá Ace,
seja bem-vindo ao Fuxuca.Vou criar um link por aqui para o seu blog.
Desejo-lhe sucesso.
A gente vai se falando.
ABRAÇOS.

DAGON disse...

Fala ae Big, acabei de sair do SDN e vi lá um disco da banda e vou te dizer meio envergonhado que jamais ouvi um som sequer desses caras, agora depois de ver dois discos distintos em cinco minutos de diferença em dois grandes blogs irmão tenho que me render e levar esse aki que ta em português.

Parabéns pelos 100 mil acessos e por manter esse blog tão eclético que com certeza atrai todos akeles que curtem boa música.

Sei que tava te devendo uma visita mas demorar pra aparecer é bom que vms catando todas as novidades de uma vez só, rs.

Abração.

Big clash disse...

Hey Dagon,
pode conferir que este é um disco da fase heróica do rock brasileiro...estes caras viviam uma época de precariedade em termos técnicos...o disco é show de bola.
Obrigado pelas congratulações...rsrsrs...você é brother...As portas da casa estão sempre abertas pra você.
Abraços.